Imprensa

Governo aplica mais de sete milhões em Premiação Desportiva

Data: 22/08/2017
Governo aplica mais de sete milhões em Premiação Desportiva

A Cerimônia de Premiação Desportiva teve lugar no Estádio Nacional do Zimpeto, tendo sido dirigida pelo ministro da Juventude e Desportos, Alberto Nkutumula, na presença dos laureados, quadros do pelouro, dirigentes desportivos e convidados. Foram no total cinco modalidades premiadas, nomeadamente basquetebol, vela, canoagem, judo e atletismo adaptado. Depois da entrega dos cheques aos vencedores, coube ao Ministro, Alberto Nkutumula proferir o discurso da ocasião tendo, nas suas notas introdutórias, destacado o facto de 2016 ter sido um ano importante na história do desporto nacional por ter-se traduzido numa época de grandes conquistas, na arena das competições internacionais, com particular realce para o regresso de Moçambique ao pódio olímpico.

Face a este feito que orgulha e honra o povo moçambicano, unido do Rovuma ao Maputo, o Ministério da Juventude e Desportos, através do Fundo de Promoção Desportiva, não podia ter mãos a medir, na tarefa que lhe cabe de realizar esta cerimónia oficial de premiação desportiva, ao abrigo do Decreto nº 10/2013, de 10 de Abril, do Conselho de Ministros, que regula a Premiação Desportiva, estabelecendo os critérios e requisitos para a atribuição de prémios aos atletas, técnicos, treinadores, médicos, delegados, massagistas, guias e roupeiros, integrantes das selecções nacionais, que tiverem alcançado êxitos nas competições internacionais de carácter oficial e nas modalidades olímpicas e paralímpicas.
Ainda no seu discurso, Nkutumula, afirmou que, por imperativos do decreto supracitado, não contemplou-se, neste acto de premiação, os atletas que lograram semelhantes êxitos nas modalidades não olímpicas ou paralímpicas, aos quais deixou ficar uma merecida vénia, seguida do encorajamento à prática das modalidades de sua eleição, porque o desejo é ver atingidos melhores dias no domínio da premiação, a todos os atletas cujo desempenho orgulha a nação moçambicana.